Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

José da Xã

Escrever mesmo que a mão me doa.

José da Xã

Escrever mesmo que a mão me doa.

Quadras a Santo António - 2022

Dia de António o bom Santo

É sempre fantástico feriado

Foi mestre alfacinha e tanto

Que viajou por tanto lado.

 

Viveu outros tempos é certo

Daqueles. Nem ousou olvidar.

Foram anos duros decerto

Que lhe deram força para andar.

 

Voltaram as sardinhas e o fumo

Daquelas a arder na brasa quente

Copos de tinto quiçá um sumo

Num arraial com tamanha gente.

 

É festa dizem os moinantes

Sempre a bem comer e a beber

Voltámos ao que era dantes

Toda a gente quer esquecer.

 

Mas lá longe na imensa guerra

Há quem lute corajosamente

Por uma livre e próspera terra

Que nem um Santo Valente.

 

Vai Santo António ajudar vai

Aqueles que choram a dor.

Sai desse alto púlpito sai

Vem parar este imenso horror.   

Dia Mundial da Poesia

Escuta…

Escuta meu amor!

Sabes o que é este troar?

Este som abafado e doentio…

 

São as bombas

Que caem como chuva,

De um céu negro de esperança

E tristeza.

 

Desculpa ter ficado,

Não partir, não abandonar este país.

Pegar nas armas frias,

E morrer!

 

Um dia escreverás

Um poema em meu nome!

Com lágrimas expostas,

De mágoas infinitas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.